Financiamento imobiliário para autônomos: aumente a sua chance de conseguir


É autônomo? Pretende financiar um imóvel? Para esclarecer a você sobre o processo de financiamento imobiliário por profissional autônomo, a Recon Engenharia preparou este passo a passo descomplicado. Confira agora mesmo!

Se você já trabalha por conta própria e está se preparando para mais uma conquista, este conteúdo certamente é para você. A realidade do imóvel próprio está disponível para o trabalhador autônomo, que pode agregar um bem valioso ao seu patrimônio a partir de simples comprovações, entre outras dicas por aqui dadas.

Primeiramente, quais são os principais tipos de financiamento imobiliário?

As entidades bancárias mais tradicionais nesta modalidade são Caixa Econômica Federal e Banco do Brasil. Tanto esses bancos quanto os particulares, operam linhas de crédito englobadas em determinados sistemas de financiamento.

Agora, antes de citar os tipos de financiamentos disponíveis, vale ressaltar que, em todos os casos, o valor ofertado como entrada do imóvel financiado tem impacto direto nas prestações. Por isso, quanto maior a quantia que você dispuser como sinal, menor será o seu custo total com a compra do imóvel próprio.

Os valores das prestações também tendem a ser diretamente afetados pelo valor pago a título de sinal. Em outras palavras, dar um bom valor de entrada pelo imóvel é uma excelente maneira de pagar menos juros, e até de compor prestações com valores mais baixos.

  • Financiamento pelo Sistema Financeiro de Habitação (FSH)
  • Financiamento pelo Sistema Financeiro Imobiliário (FSI)
  • Financiamento pelo programa Minha Casa, Minha Vida (MCMV)

Para entender as particularidades de cada um destes, é recomendado conversar com um de nossos corretores disponíveis. É prático e importantíssimo!

Mas, afinal como comprovar minha renda?

Inicialmente ressaltamos que: para conseguir a aprovação da solicitação de financiamento imobiliário, é obrigatório estar com o nome sem nenhum tipo de restrição. Este requisito diz respeito a todos que fizerem a composição do rendimento, pois é analisado o cadastro de cada comprador, quando há apresentação de renda conjunta.

Entre a listagem de documentos que podem ser usados para comprovar renda estão: Declaração de Imposto de Renda (IR), Declaração Comprobatória de Percepção de Rendimentos (DECORE), Recebimento de Pagamento de Autônomo (RPA) e Comprovação de Renda em conjunto. 

Aqui, vale um detalhe importante: a aprovação somente com extratos bancários, em qualquer banco prestador de financiamentos imobiliários, não é aceita! Por isto é muito importante recorrer às demais opções listadas acima. 

Lembrando que, em caso de dúvidas e para esclarecer as condições destes documentos, a equipe da Recon está aqui para te ajudar!

Entre em contato conosco, temos uma equipe especializada para te auxiliar na realização deste sonho. É super prático: você pode nos mandar uma mensagem no WhatsApp (11) 9.6615-9393 ou efetuar uma ligação para o (11) 4438-0903.